O POLITICO QUE O BRASIL PRECISA (Oswaldo Jacob)

A propósito do emaranhado de escândalos da Lava-Jato

                              

                Para muitos, neste país, a vida é uma simples troca e um jogo de interesses. Somos chamados o país do “jeitinho”.  Vota-se em quem oferece mais vantagens. Não há uma consciência politica amadurecida. O povo, de um modo geral, não está politizado. Por esta razão, muitos votam movidos pelos favores e elegem péssimos elementos para serem governantes e legisladores. Infelizmente o padrão de aferição é a capacidade de encher o estômago ou outro prazer qualquer. Há moedas de troca que envergonham aqueles que amam o Brasil, que aspiram ofegantemente um país justo, limpo, autêntico e competente.

            Precisamos estabelecer a diferença entre politica e politicagem. Esta se faz com base na filosofia do ‘toma lá, dá cá’. É quando os políticos estão mais preocupados em beneficiarem a si mesmos e aos seus familiares (nepotismo). Não há meritocracia. É a feira dos favorecimentos dos compadres. O exercício do poder político beneficia “generosamente” os companheiros de partido. É caracteristicamente um movimento financeiro estrondoso. É a pratica do caixa dois, tão recorrente neste país. É o dinheiro suado da população que some no meio do caminho. Desaparece no ralo da corrupção. Políticos, agentes públicos e empreiteiros se conluiam contra o povo brasileiro.  É uma vergonha.

            A política, cujo significado é ‘o governo da cidade’ está voltada para os cidadãos que pagam os impostos, que investem no desenvolvimento do país nas diversas áreas. A autêntica política se desenvolve com base nas convicções profundas do que seja o Estado, o povo e a governabilidade sustentável. Não há confusão nesta relação entre o permanente (Estado) e o transitório (governo). Os governos promovem encontros com a comunidade para o planejamento sustentável. Todos participam da definição do elenco de necessidades e estabelecem as prioridades, trabalhando com seriedade visando a sua execução. É o trabalho exaustivo que beneficia a todos. É a construção de um país sério, comprometido com a ética, a sustentabilidade, a educação e a inclusão social. Os políticos sérios não admitem a corrupção e a consequente miséria.

            Na politica, os eleitos estão conscientes dos seus privilégios (representam o povo) e deveres (servem o povo), sendo avaliados pela população que os elegeu. Se eles estão trabalhando, suando a camisa, pela comunidade. O povo não deve ser massa de manobra, mas deve estar comprometido com politicas publicas de desenvolvimento. A população séria não se deixa levar por promessas inócuas. Politica significa a participação de todos no esforço de cada um. A política revela o engajamento do governo que converge para o bem de todos. Na politica, o povo fiscaliza de forma inteligente e responsável.  Num governo serio, as licitações são limpas, corretas e sem conchavos, sem favorecimentos. Os corruptos são exemplarmente punidos. São acusados, julgados, condenados, presos e alijados da política.

            O politico que o Brasil precisa há de sair da sua comunidade, a partir de serviços prestados com zelo e paixão pelo seu povo, pelo seu país. Ele deve estudar, cursar disciplinas que têm a ver com o seu trabalho de liderança na área politica. Ter, no mínimo, o segundo grau. Cursar a Escola de Politica (que deve ser implementada neste país), cujas matérias devem ser a ética, orçamento, responsabilidade fiscal, políticas públicas, constituição, lei orgânica do município ou do estado, saneamento, recursos humanos, administração publica, politicas sociais, teoria politica, sustentabilidade, etc. No seu perfil, deve ser um vocacionado para a politica, zeloso, temente a Deus, integro, comunicativo, empático e simpático, entre outros. Sonho em ver o meu país – desde o poder municipal ao poder federal – sendo administrado por pessoas éticas (íntegras a toda prova) e competentes na administração pública. Sonho em ver políticos que não aceitam propina, caixa dois, não aceitam receber dinheiro sem trabalhar e outros elementos da corrupção. Que zelam pela Constituição do Brasil. Homens e mulheres comprovadamente íntegros e dispostos a morrerem de coerência. Que Deus, nosso Pai, abençoe este País tão rico, lindíssimo e com um povo simpático e acolhedor. País de um povo que precisa crescer na seriedade, que deve estar comprometido com a gestão eficiente; um povo econômico, limpo, zeloso, íntegro e trabalhador. Desejamos ser um país de vanguarda. Que cada politico que o Brasil precisa o ajude a ser um país mais justo, solidário e comprometido com a verdade e um exemplo para outros países.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar