DISPONIBILIDADE (Adalberto Alves de Sousa)

Marcos inicia a sua narrativa citando Isaías: “Enviarei à tua frente o meu mensageiro; ele preparará o teu caminho” (v. 2).  João surgiu, batizando no deserto e pregando o batismo de arrependimento para o perdão dos pecados. E o povo ia ao seu encontro. “Naquela ocasião Jesus veio de Nazaré da Galileia e foi batizado por João no Jordão” (v. 9); impelido pelo Espírito para o deserto, esteve lá por 40 dias, sendo tentado por Satanás. Depois disso, Jesus dá início ao seu ministério. Vai para a Galileia, onde proclama a Boa-Nova e prega o arrependimento. “O reino de Deus está próximo”, dizia. Caminhando à beira do mar, viu Pedro e seu irmão André em plena atividade da pesca, e disse-lhes: “Sigam-me, e eu os farei pescadores de homens” (v.16). Eles o seguiram. Mais adiante viu Tiago e João, chamou-os, e eles também o seguiram. Caminhando mais uma vez pela orla, viu Levi, chamou-o, e ele, como todos os demais, seguiu-o imediatamente.
O aspecto marcante na vida do discípulo é a disponibilidade. Hoje valorizamos muito o preparo. Mas, ao sentir-se chamado por Deus para atuar no Reino, responda como Isaías: “Eis-me aqui; envia-me”. Quando Ele chama, Ele prepara.
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Array
(
    [type] => 8
    [message] => Undefined index: option
    [file] => /home/praze123/public_html/libraries/joomla/environment/uri.php
    [line] => 408
)