Rio de Janeiro – A Cidade do Entretenimento?! (Roberto Louzada Dias)

Em uma das manchetes de um jornal no Rio de Janeiro, pude perceber a seguinte mensagem: “Portões para maior festival de música do mundo são abertos ... Os admiradores da música que aguardavam eufóricos na entrada do festival entraram correndo para ocupar os melhores lugares dentro da Cidade do Rock” (Jornal O Dia, ONLINE). E, sabendo do que acontece hoje e também do que está programado para esta cidade nos próximos meses e anos ─ uma variedade “atrativa” de eventos esportivos e shows para milhões (ao vivo e via toda a sorte de mídia ─ o que devo pensar? O que a Bíblia nos revela sobre tanta euforia e tamanho investimento?
A Palavra de Deus nos chama a um paradoxo: “Bem-aventurados os que choram, pois serão consolados” ¹ (Mateus 5.4). Mas, chorar, ser consolado, por quê? Há tanta coisa para nos ocuparmos, nos entretermos, a fim de esquecermos os problemas, as tristezas, as desgraças? 
Felizes os que choram! Choram porque percebem que seus parentes próximos, seus amigos, seus vizinhos não temem a Deus. Felizes os que choram, porque o inferno os está abraçando, porque estão cegos à Palavra, porque são devotos de madeiras, pedras, barro e a ensinos de demônios (I Timóteo 4.1). Felizes os que choram pelos que ainda não foram perdoados e ainda não estão em comunhão com o Pai.
Um paradoxo: “Felizes os que choram”. Onde você encontra tal afirmação? Como podem ser felizes aqueles que choram? Como podem ser consolados?
Hoje é sexta-feira. Depois de amanhã a igreja de Cristo também estará se reunindo em todo o mundo para cultuar a Deus. Será que a expectativa de cada um de nós reflete algo parecido com a daqueles que investem dias, horas e dinheiro para verem seus ídolos? Será que a adoração ao nosso Deus está recebendo mais que comparecimentos rituais, ao invés de adoração ardente e comunhão entre os santos?
Somente quando eu e você estivermos chorando pelos que estão cegos sem o Senhor Jesus em seus corações, perceberemos o que Ele quis dizer nos versículos 11 e 12 deste mesmo capítulo: “Bem-aventurados serão vocês quando, por minha causa, os insultarem, os perseguirem e levantarem todo tipo de calúnia contra vocês. Alegrem-se e regozijem-se, porque grande é a sua recompensa nos céus, pois da mesma forma perseguiram os profetas que viveram antes de vocês.”
A felicidade para os que choram não vem da tristeza que podemos sentir simplesmente ao sermos perseguidos, mas vem da resposta de Deus em demonstrar o Seu amor através de nós pelos que estão perdidos. Este deve ser o nosso consolo. A felicidade provém do perdão. E somente os que se arrependem dos seus pecados são felizes: “Como é feliz aquele que tem suas transgressões perdoadas e seus pecados apagados!” (Salmos 32.1).
Uma coisa tenho a fazer. Preciso chorar e chorar, clamar, interceder muito mais pelos que me cercam. Deus precisa ver em mim um amor ardente pelos que estão dispersos em anseios fúteis e que buscam esquecer suas preocupações sem se renderem ao Senhor.
Que Deus faça de mim e de ti crentes mais atentos aos campos que estão brancos para a colheita! 
 
SOLI DEO GLORIA.
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

¹ Esta e as demais citações bíblicas estão na Nova Versão internacional – NVI, ed. Vida.
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Array
(
    [type] => 8
    [message] => Undefined index: option
    [file] => /home/praze123/public_html/libraries/joomla/environment/uri.php
    [line] => 408
)