HARMONIA DOS RELATOS SOBRE A RESSURREIÇÃO DE JESUS

1
SEXTA-FEIRA. Um pouco antes do por-do-sol.
Jesus é sepultado, sob os olhares das mulheres.

Marcos 15.46-47
"Então José comprou um lençol de linho, baixou o corpo da cruz, envolveu-o no lençol e o colocou num sepulcro cavado na rocha. Depois, fez rolar uma pedra sobre a entrada do sepulcro.
Maria Madalena e Maria, mãe de José, 1 viram onde ele fora colocado".

Lucas 23.50-55
"Havia um homem chamado José, membro do Conselho, homem bom e justo, que não tinha consentido na decisão e no procedimento dos outros. Ele era da cidade de Arimateia, na Judeia, e esperava o Reino de Deus. Dirigindo-se a Pilatos, pediu o corpo de Jesus. Então, desceu-o, envolveu-o num lençol de linho e o colocou num sepulcro cavado na rocha, no qual ninguém ainda fora colocado.
Era o Dia da Preparação, 2 e estava para começar o sábado". 3

Mateus 27.57-61
"Ao cair da tarde chegou um homem rico, de Arimatéia, 4 chamado José, que se tornara discípulo de Jesus. Dirigindo-se a Pilatos, pediu o corpo de Jesus, e Pilatos ordenou que lhe fosse entregue. José tomou o corpo, envolveu-o num lençol limpo de linho e o colocou num sepulcro novo, que ele havia mandado cavar na rocha. E, fazendo rolar uma grande pedra sobre a entrada do sepulcro, retirou-se.
Maria Madalena e a outra Maria 5 estavam assentadas ali, em frente do sepulcro".

João 19.38-42
"Depois disso José de Arimatéia pediu a Pilatos o corpo de Jesus. José era discípulo de Jesus, mas o era secretamente, porque tinha medo dos judeus. Com a permissão de Pilatos, veio e levou embora o corpo. Ele estava acompanhado de Nicodemos, aquele que antes tinha visitado Jesus à noite. 6 Nicodemos levou cerca de 34 quilos de uma mistura de mirra e aloés.
Tomando o corpo de Jesus, os dois o envolveram em faixas de linho, com as especiarias, de acordo com os costumes judaicos de sepultamento. No lugar onde Jesus foi crucificado havia um jardim; 7 e no jardim, um sepulcro novo, onde ninguém jamais fora colocado.
Por ser o Dia da Preparação dos judeus, e visto que o sepulcro ficava perto, colocaram Jesus ali".

2
As mulheres compram especiarias para ungir o corpo de Jesus.

Lucas 23.55
"As mulheres que haviam acompanhado Jesus desde a Galiléia, seguiram José, e viram o sepulcro, e como o corpo de Jesus fora colocado nele.
Em seguida, foram para casa e prepararam perfumes e especiarias".


3
SÁBADO.
As mulheres descansam.

Lucas 23.56
"[As mulheres] descansaram no sábado, em obediência ao mandamento".

4
Pilatos determina policiamento no túmulo de Jesus.

Mateus 27.62-66
"No dia seguinte, isto é, no sábado, os chefes dos sacerdotes e os fariseus dirigiram-se a Pilatos e disseram:
-- Senhor, lembramos que, enquanto ainda estava vivo, aquele impostor disse: ‘Depois de três dias ressuscitarei’. Ordena, pois, que o sepulcro dele seja guardado até o terceiro dia, para que não venham seus discípulos e, roubando o corpo, digam ao povo que ele ressuscitou dentre os mortos. Este último engano será pior do que o primeiro. 8
-- Levem um destacamento --, respondeu Pilatos. -- Podem ir, e mantenham o sepulcro em segurança como acharem melhor.
Eles foram e armaram um esquema de segurança no sepulcro; e além de deixarem um destacamento montando guarda, lacraram a pedra".

5
As mulheres compram especiarias adicionais.

Marcos 16.1
"Quando terminou o sábado, 9 Maria Madalena, Salomé e Maria, mãe de Tiago, 10 compraram especiarias aromáticas para ungir o corpo de Jesus".

6
PRIMEIRO DOMINGO. DE MANHÃ
Na madrugada, um terremoto remove a pedra do sepulcro.

Mateus 28.2-4
"E eis que sobreveio um grande terremoto, pois um anjo do Senhor desceu dos céus e, chegando ao sepulcro, rolou a pedra da entrada e assentou-se sobre ela. Sua aparência era como um relâmpago, e suas vestes eram brancas como a neve.
Os guardas tremeram de medo e ficaram como mortos".

7
As mulheres visitam o sepulcro de Jesus.

Mateus 28.1
"Depois do sábado, tendo começado o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria 11 foram ver o sepulcro".

Marcos 16.2-8
"No primeiro dia da semana, bem cedo, ao nascer do sol, elas se dirigiram ao sepulcro, perguntando umas às outras:
-- Quem removerá para nós a pedra da entrada do sepulcro?
Mas, quando foram verificar, viram que a pedra, que era muito grande, havia sido removida. Entrando no sepulcro, viram um jovem vestido de roupas brancas assentado à direita, e ficaram amedrontadas.
-- Não tenham medo --, disse ele. -- Vocês estão procurando Jesus, o Nazareno, que foi crucificado. Ele ressuscitou! Não está aqui. Vejam o lugar onde o haviam posto. Vão e digam aos discípulos dele e a Pedro: 'Ele está indo adiante de vocês para a Galiléia. Lá vocês o verão, como ele lhes disse'.
Tremendo e assustadas, as mulheres saíram e fugiram do sepulcro. E não disseram nada a ninguém, porque estavam amedrontadas".

Mateus 28.5-8
"O anjo disse às mulheres:
-- Não tenham medo! Sei que vocês estão procurando Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui; ressuscitou, como tinha dito. Venham ver o lugar onde ele jazia. Vão depressa e digam aos discípulos dele: 'Ele ressuscitou dentre os mortos e está indo adiante de vocês para a Galileia. Lá vocês o verão. Notem que eu já os avisei'.
As mulheres saíram depressa do sepulcro, amedrontadas e cheias de alegria, e foram correndo anunciá-lo aos discípulos de Jesus".

Lucas 24.1-8
"No primeiro dia da semana, de manhã bem cedo, as mulheres levaram ao sepulcro as especiarias aromáticas que haviam preparado. Encontraram removida a pedra do sepulcro, mas, quando entraram, não encontraram o corpo do Senhor Jesus. Ficaram perplexas, sem saber o que fazer.
De repente, dois homens com roupas que brilhavam como a luz do sol colocaram-se ao lado delas. Amedrontadas, as mulheres baixaram o rosto para o chão, e os homens lhes disseram:
-- Por que vocês estão procurando entre os mortos aquele que vive? Ele não está aqui! Ressuscitou! Lembrem- se do que ele lhes disse, quando ainda estava com vocês na Galileia: ‘É necessário que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores, seja crucificado e ressuscite no terceiro dia’.
Então se lembraram das palavras de Jesus".

João 20.1
"No primeiro dia da semana, bem cedo, estando ainda escuro, Maria Madalena chegou ao sepulcro e viu que a pedra da entrada tinha sido removida".

8
As mulheres contam o que viram aos apóstolos.

Lucas 24.9-11
"Quando voltaram do sepulcro, elas contaram todas estas coisas aos Onze 12 e a todos os outros. As que contaram estas coisas aos apóstolos foram Maria Madalena, Joana e Maria, mãe de Tiago, e as outras que estavam com elas. Mas eles não acreditaram nas mulheres; as palavras delas lhes pareciam loucura".

9
Pedro e João vão ao sepulcro.

Lucas 24.12
"Pedro, todavia, levantou-se e correu ao sepulcro. Abaixando-se, viu as faixas de linho e mais nada; afastou-se, e voltou admirado com o que acontecera".

João 20.2-10
"Então [Maria Madalena] correu ao encontro de Simão Pedro e do outro discípulo, 13 aquele a quem Jesus amava, e disse:
-- Tiraram o Senhor do sepulcro, e não sabemos onde o colocaram!
Pedro e o outro discípulo saíram e foram para o sepulcro. Os dois corriam, mas o outro discípulo foi mais rápido que Pedro e chegou primeiro ao sepulcro. Ele se curvou e olhou para dentro, viu as faixas de linho ali, mas não entrou.
A seguir, Simão Pedro, que vinha atrás dele, chegou, entrou no sepulcro e viu as faixas de linho, bem como o lenço que estivera sobre a cabeça de Jesus. Ele estava dobrado à parte, separado das faixas de linho. Depois o outro discípulo, que chegara primeiro ao sepulcro, também entrou. Ele viu e creu.
(Eles ainda não haviam compreendido que, conforme a Escritura, era necessário que Jesus ressuscitasse dos mortos.)
Os discípulos voltaram para casa".

10
Jesus aparece a Maria Madalena, quando ela retornou ao sepulcro com Pedro e João.

Marcos 16.9-11
"Quando Jesus ressuscitou, na madrugada do primeiro dia da semana, apareceu primeiramente a Maria Madalena, de quem havia expulsado sete demônios.
Ela foi e contou aos que com ele tinham estado; eles estavam lamentando e chorando. Quando ouviram que Jesus estava vivo e fora visto por ela, não creram".

João 20.11-17
"Maria, porém, ficou à entrada do sepulcro, chorando. Enquanto chorava, curvou-se para olhar dentro do sepulcro e viu dois anjos vestidos de branco, sentados onde estivera o corpo de Jesus, um à cabeceira e o outro aos pés.
Eles lhe perguntaram:
-- Mulher, por que você está chorando?
-- Levaram embora o meu Senhor” --, respondeu ela --, e não sei onde o puseram.
Nisso ela se voltou e viu Jesus ali, em pé, mas não o reconheceu.
Disse ele:
-- Mulher, por que está chorando? Quem você está procurando?
Pensando que fosse o jardineiro, ela disse:
-- Se o senhor o levou embora, diga-me onde o colocou, e eu o levarei.
Jesus lhe disse:
-- Maria!
Então, voltando-se para ele, Maria exclamou em aramaico:
-- Rabôni! (que significa “Mestre!”).
Jesus disse:
-- Não me segure, pois ainda não voltei para o Pai. Vá, porém, a meus irmãos e diga-lhes: 'Estou voltando para meu Pai e Pai de vocês, para meu Deus e Deus de vocês”'.

11
Maria Madalena volta à cidade e conta o que viu.

Marcos 16.10-11
"Ela [Maria Madalena] foi e contou aos que com ele tinham estado; eles estavam lamentando e chorando. Quando ouviram que Jesus estava vivo e fora visto por ela, não creram".

João 20.18
Maria Madalena foi e anunciou aos discípulos:
-- Eu vi o Senhor!
E contou o que ele lhe dissera.

12
Jesus aparece às outras mulheres.

Mateus 28.9-10
"De repente, Jesus as [outras mulheres] encontrou e disse:
-- Salve!
Elas se aproximaram dele, abraçaram-lhe os pés e o adoraram. Então Jesus lhes disse:
-- Não tenham medo. Vão dizer a meus irmãos que se dirijam para a Galileia; lá eles me verão".

13
PRIMEIRO DOMINGO. DE TARDE.
Os guardam fazem seu relato às autoridades.

Mateus 28.11-15
"Enquanto as mulheres estavam a caminho, alguns dos guardas dirigiram-se à cidade e contaram aos chefes dos sacerdotes tudo o que havia acontecido. Quando os chefes dos sacerdotes se reuniram com os líderes religiosos, elaboraram um plano. Deram aos soldados grande soma de dinheiro, dizendo-lhes:
-- Vocês devem declarar o seguinte: 'Os discípulos dele vieram durante a noite e furtaram o corpo, enquanto estávamos dormindo. Se isso chegar aos ouvidos do governador, nós lhe daremos explicações e livraremos vocês de qualquer problema'.
Assim, os soldados receberam o dinheiro e fizeram como tinham sido instruídos.
E esta versão se divulgou entre os judeus até o dia de hoje".

14
Jesus aparece a Simão Pedro, no final da manhã, quando este volta ao sepulcro.

1Coríntios 15.5
"E [Jesus] apareceu a Pedro e depois aos Doze.

15
PRIMEIRO DOMINGO. BEM DE T ARDE.
Jesus aparece a dois discípulos no caminho de Emaús.

Marcos 16.12-13
I"Depois Jesus apareceu noutra forma a dois deles, estando eles a caminho do campo. 14 Eles voltaram e relataram isso aos outros; mas também nestes eles [os outros discípulos] não creram".

Lucas 24.13-35
"Naquele mesmo dia, dois deles estavam indo para um povoado chamado Emaús, a onze quilômetros de Jerusalém. No caminho, conversavam a respeito de tudo o que havia acontecido. Enquanto conversavam e discutiam, o próprio Jesus se aproximou e começou a caminhar com eles; mas os olhos deles foram impedidos de reconhecê-lo.
Ele lhes perguntou:
-- Sobre o que vocês estão discutindo enquanto caminham?
Eles pararam, com os rostos entristecidos. Um deles, chamado Cleopas, perguntou-lhe:
-- Você é o único visitante em Jerusalém que não sabe das coisas que ali aconteceram nestes dias?
-- Que coisas? --, perguntou ele.
-- O que aconteceu com Jesus de Nazaré --, responderam eles. -- Ele era um profeta, poderoso em palavras e em obras diante de Deus e de todo o povo. Os chefes dos sacerdotes e as nossas autoridades o entregaram para ser condenado à morte, e o crucificaram; e nós esperávamos que era ele que ia trazer a redenção a Israel. E hoje é o terceiro dia desde que tudo isso aconteceu. Algumas das mulheres entre nós nos deram um susto hoje. Foram de manhã bem cedo ao sepulcro e não acharam o corpo dele. Voltaram e nos contaram ter tido uma visão de anjos, que disseram que ele está vivo. Alguns dos nossos companheiros foram ao sepulcro e encontraram tudo exatamente como as mulheres tinham dito, mas não o viram.
Ele lhes disse:
-- Como vocês custam a entender e como demoram a crer em tudo o que os profetas falaram! Não devia o Cristo sofrer estas coisas, para entrar na sua glória?
E começando por Moisés e todos os profetas, explicou-lhes o que constava a respeito dele em todas as Escrituras.
Ao se aproximarem do povoado para o qual estavam indo, Jesus fez como quem ia mais adiante. Mas eles insistiram muito com ele:
-- Fique conosco, pois a noite já vem; o dia já está quase findando.
Então, ele entrou para ficar com eles.
Quando estava à mesa com eles, tomou o pão, deu graças, partiu-o e o deu a eles. Então os olhos deles foram abertos e o reconheceram, e ele desapareceu da vista deles. Perguntaram-se um ao outro:
-- Não estava queimando o nosso coração, enquanto ele nos falava no caminho e nos expunha as Escrituras?
Levantaram-se e voltaram imediatamente para Jerusalém. Ali encontraram os Onze e os que estavam com eles reunidos, que diziam: 'É verdade! O Senhor ressuscitou e apareceu a Simão!'
Então os dois contaram o que tinha acontecido no caminho, e como Jesus fora reconhecido por eles quando partia o pão".

16
Jesus aparece aos discípulos, Tomé ausente.

Marcos 16.14
"Mais tarde Jesus apareceu aos Onze enquanto eles comiam; censurou-lhes a incredulidade e a dureza de coração, porque não acreditaram nos que o tinham visto depois de ressurreto".

Lucas 24.36-49
"Enquanto falavam sobre isso, o próprio Jesus apresentou-se entre eles e lhes disse:
-- Paz seja com vocês!
Eles ficaram assustados e com medo, pensando que estavam vendo um espírito. Ele lhes disse:
-- Por que vocês estão perturbados e por que se levantam dúvidas no coração de vocês! Vejam as minhas mãos e os meus pés. Sou eu mesmo! Toquem-me e vejam; um espírito não tem carne nem ossos, como vocês estão vendo que eu tenho.
Tendo dito isso, mostrou-lhes as mãos e os pés. E por não crerem ainda, tão cheios estavam de alegria e de espanto, ele lhes perguntou:
-- Vocês têm aqui algo para comer?
Deram-lhe um pedaço de peixe assado, e ele o comeu na presença deles.
E disse-lhes:
-- Foi isso que eu lhes falei enquanto ainda estava com vocês: 'Era necessário que se cumprisse tudo o que a meu respeito está escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos'.
Então lhes abriu o entendimento, para que pudessem compreender as Escrituras. E lhes disse:
-- Está escrito que o Cristo haveria de sofrer e ressuscitar dos mortos no terceiro dia, e que em seu nome seria pregado o arrependimento para perdão de pecados a todas as nações, começando por Jerusalém. Vocês são testemunhas destas coisas. Eu lhes envio a promessa de meu Pai; mas fiquem na cidade até serem revestidos do poder do alto”.

João 20.19-23
"Ao cair da tarde daquele primeiro dia da semana, estando os discípulos reunidos a portas trancadas, por medo dos judeus, Jesus entrou, pôs-se no meio deles e disse:
-- Paz seja com vocês!
Tendo dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos alegraram-se quando viram o Senhor.
Novamente Jesus disse:
-- Paz seja com vocês! Assim como o Pai me enviou, eu os envio.
E com isso, soprou sobre eles e disse:
-- Recebam o Espírito Santo. Se perdoarem os pecados de alguém, estarão perdoados; se não os perdoarem, não estarão perdoados".

17
Tomé confessa sua incredulidade na ressurreição de Jesus.

João 20.24-25
Tomé, chamado Dídimo, um dos Doze, não estava com os discípulos quando Jesus apareceu. Os outros discípulos lhe disseram:
-- Vimos o Senhor!
Mas ele lhes disse:
-- Se eu não vir as marcas dos pregos nas suas mãos, não colocar o meu dedo onde estavam os pregos e não puser a minha mão no seu lado, não crerei.

18
SEGUNDO DOMINGO
Jesus aparece aos discípulos, Tomé presente.

João 20.26-29
"Uma semana mais tarde, os seus discípulos estavam outra vez ali, e Tomé com eles. Apesar de estarem trancadas as portas, Jesus entrou, pôs-se no meio deles e disse:
-- Paz seja com vocês!
E Jesus disse a Tomé:
-- Coloque o seu dedo aqui; veja as minhas mãos. Estenda a mão e coloque-a no meu lado. Pare de duvidar e creia.
Disse-lhe Tomé:
-- Senhor meu e Deus meu!
Então Jesus lhe disse:
-- Porque me viu, você creu? Felizes os que não viram e creram".

19
SEMANAS DEPOIS DO PRIMEIRO DOMINGO
Jesus aparece a sete discípulos no mar da Galileia.

João 21.1-14
"Depois disso Jesus apareceu novamente aos seus discípulos, à margem do mar de Tiberíades. 15 Foi assim:
Estavam juntos Simão Pedro; Tomé, chamado Dídimo; Natanael, de Caná da Galiléia; os filhos de Zebedeu; 16 e dois outros discípulos. 17
-- Vou pescar --, disse-lhes Simão Pedro.
E eles disseram:
-- Nós vamos com você.
Eles foram e entraram no barco, mas naquela noite não pegaram nada.
Ao amanhecer, Jesus estava na praia, mas os discípulos não o reconheceram.
Ele lhes perguntou:
-- Filhos, vocês têm algo para comer?
Eles responderam que não.
Ele disse:
-- Lancem a rede do lado direito do barco e vocês encontrarão.
Eles a lançaram, e não conseguiam recolher a rede, tal era a quantidade de peixes.
O discípulo a quem Jesus amava disse a Pedro:
-- É o Senhor!”
Simão Pedro, ouvindo-o dizer isso, vestiu a capa, pois a havia tirado, e lançou-se ao mar. Os outros discípulos vieram no barco, arrastando a rede cheia de peixes, pois estavam apenas a cerca de 90 metros da praia. Quando desembarcaram, viram ali uma fogueira, peixe sobre brasas, e um pouco de pão.
Disse-lhes Jesus:
-- Tragam alguns dos peixes que acabaram de pescar.
Simão Pedro entrou no barco e arrastou a rede para a praia. Ela estava cheia: tinha 153 grandes peixes. Embora houvesse tantos peixes, a rede não se rompeu.
Jesus lhes disse:
--  Venham comer.
Nenhum dos discípulos tinha coragem de lhe perguntar: “Quem és tu?” Sabiam que era o Senhor. Jesus aproximou-se, tomou o pão e o deu a eles, fazendo o mesmo com o peixe.
Esta foi a terceira vez que Jesus apareceu aos seus discípulos, depois que ressuscitou dos mortos".

20
Jesus restaura a Pedro.

João 21.15-19
"Depois de comerem, Jesus perguntou a Simão Pedro:
-- Simão, filho de João, você me ama mais do que estes?
Disse ele:
-- Sim, Senhor, tu sabes que te amo.
Disse Jesus:
-- Cuide dos meus cordeiros.
Novamente Jesus disse:
-- Simão, filho de João, você me ama?
Ele respondeu:
-- Sim, Senhor, tu sabes que te amo.
Disse Jesus:
-- Pastoreie as minhas ovelhas.
Pela terceira vez, ele lhe disse:
-- Simão, filho de João, você me ama?
Pedro ficou magoado por Jesus lhe ter perguntado pela terceira vez “Você me ama?” e lhe disse:
-- Senhor, tu sabes todas as coisas e sabes que te amo.
Disse-lhe Jesus:
-- Cuide das minhas ovelhas. Digo-lhe a verdade: Quando você era mais jovem, vestia-se e ia para onde queria; mas quando for velho, estenderá as mãos e outra pessoa o vestirá e o levará para onde você não deseja ir.
Jesus disse isso para indicar o tipo de morte com a qual Pedro iria glorificar a Deus. E então lhe disse:
-- Siga-me!”

21
Jesus honra a João.

João 21.20-22
"Pedro voltou-se e viu que o discípulo a quem Jesus amava os seguia. (Este era o que estivera ao lado de Jesus durante a ceia e perguntara: “Senhor, quem te irá trair?”)
Quando Pedro o viu, perguntou: “Senhor, e quanto a ele?”
Respondeu Jesus:
-- Se eu quiser que ele permaneça vivo até que eu volte, o que lhe importa? Quanto a você, siga-me!"


22
Jesus aparece a mais de 500 na Galileia.

Marcos 16.15-18
"E [Jesus] disse-lhes:
-- Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas. Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu nome expulsarão demônios; falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão as mãos sobre os doentes, e estes ficarão curados”.

1Coríntios 15.6
"Depois disso [Jesus] apareceu a mais de 500 irmãos de uma só vez, a maioria dos quais ainda vive, 18 embora alguns já tenham adormecido". 19

Mateus 28.16-20
"Os onze discípulos foram para a Galileia, para o monte 20 que Jesus lhes indicara. Quando o viram, o adoraram; mas alguns duvidaram. Então, Jesus aproximou-se deles e disse:
-- Foi-me dada toda a autoridade nos céus e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”.

23
Jesus  aparece ao seu meio-irmão, Tiago, e a todos os apóstolos.

1Coríntios 15.7a
"Depois [Jesus] apareceu a Tiago 21 e, então, a todos os apóstolos".

24
Antes da ascensão, Jesus aparece aos discípulos e começa a comissioná-los (instruí-los).

Lucas 24.44-49
"E [Jesus] disse-lhes:
-- Foi isso que eu lhes falei enquanto ainda estava com vocês: 'Era necessário que se cumprisse tudo o que a meu respeito está escrito na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos'.
Então lhes abriu o entendimento, para que pudessem compreender as Escrituras. E lhes disse: 'Está escrito que o Cristo haveria de sofrer e ressuscitar dos mortos no terceiro dia, e que em seu nome seria pregado o arrependimento para perdão de pecados a todas as nações, começando por Jerusalém. Vocês são testemunhas destas coisas. Eu lhes envio a promessa de meu Pai; mas fiquem na cidade até serem revestidos do poder do alto”.

Atos 1.3-8
"Depois do seu sofrimento, Jesus apresentou-se a eles e deu-lhes muitas provas indiscutíveis de que estava vivo.
Apareceu-lhes por um período de 40 dias falando-lhes acerca do Reino de Deus.
Certa ocasião, enquanto comia com eles, deu-lhes esta ordem:
-- Não saiam de Jerusalém, mas esperem pela promessa de meu Pai, da qual lhes falei. Pois João batizou com água, mas dentro de poucos dias vocês serão batizados com o Espírito Santo.
Então os que estavam reunidos lhe perguntaram:
-- Senhor, é neste tempo que vais restaurar o reino a Israel?
Ele lhes respondeu:
-- Não lhes compete saber os tempos ou as datas que o Pai estabeleceu pela sua própria autoridade. Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra”.


25
SEIS SEMANAS APÓS A RESSURREIÇÃO, DE NOVO EM JERUSALÉM
Última aparição e ascensão de Jesus.

Lucas 24.50-53
"Tendo-os levado até as proximidades de Betânia, 22 Jesus ergueu as mãos e os abençoou. Estando ainda a abençoá-los, ele os deixou e foi elevado ao céu. Então eles o adoraram e voltaram para Jerusalém com grande alegria.
E permaneciam constantemente no templo, louvando a Deus".

Marcos 16.19-20
"Depois de lhes ter falado, o Senhor Jesus foi elevado aos céus e assentou-se à direita de Deus. Então, os discípulos saíram e pregaram por toda parte; e o Senhor cooperava com eles, confirmando-lhes a palavra com os sinais que a acompanhavam".


Atos 1.9-12
"Tendo dito isso, [Jesus] foi elevado às alturas enquanto eles olhavam, e uma nuvem o encobriu da vista deles. E eles ficaram com os olhos fixos no céu enquanto ele subia. De repente surgiram diante deles dois homens vestidos de branco, que lhes disseram:
-- Galileus, por que vocês estão olhando para o céu? Este mesmo Jesus, que dentre vocês foi elevado aos céus, voltará da mesma forma como o viram subir.
Então eles voltaram para Jerusalém, vindo do monte chamado das Oliveiras, 23 que fica perto da cidade, cerca de um quilômetro".

Filipenses 2.9-11
"Por isso Deus o exaltou à mais alta posição
e lhe deu o nome que está acima de todo nome,
para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho,
nos céus, na terra e debaixo da terra,
e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor,
para a glória de Deus Pai".

ISRAEL BELO DE AZEVEDO
_______________________________________
1  Possivelmente, Maria, que era mãe de José (não o de Arimateia) e de Tiago, o menor.
2  O dia da Preparação, preparação para o sábado, ia do pôr-do-sol da quinta ao pôr-do-sol da sexta-feira.
3  No modo judaico de contar o dia, o sábado começava na nossa sexta-feira, quando o sol se punha.
4  Esta cidade ficava a 32 km de Jerusalém, na direção norte.
5  Provavelmente, Maria, a mãe de Tiago.
6  Cf. João 3.1-9.
7  Jardim era, nos termos de hoje, um pomar, com flores e plantas frutíferas.
8  O primeiro embuste, na concepção deles, era a afirmação de Jesus de que era o Messias, que poderia ser seguido pelo segundo: uma falsa ressurreição.
9  Ainda sábado, em nossa forma de contar o dia.
10  E também de José.
11  Provavelmente, Maria, a mãe de Tiago.
12  Os autores bíblicos usam tanto Onze como Dozes para se referirem as primeiros discípulos de Jesus. Eles eram, na verdade, conhecidos com os Doze. Dependendo da sua perspectiva, o autor que fala em Onze excluiu Judas.
13  Muito possivelmente João, autor do Evangelho que leva seu nome.
14  Isto é: a caminho de Emaús.
15  Ou mar da Galileia ou Lago de Genesaré, à margem do qual, em Cafarnaum, distante pouco mais de 100 km de Jerusalém, Jesus comecou seu ministério tão logo saiu de Nazaré.
16  Tiago e João.
17  Talvez André e Filipe, que moravam perto dali, em Betsaida.
18  Viviam quando a carta foi escrita por Paulo, por volta do ano 53, apenas 20 anos depois da ressurreição.
19  Isto é: morrido.
20  Talvez o monte onde houve a Transfiguração, de localização desconhecida.
21  Tiago, irmão de Jesus.
22  Betânia ficava a 1 km de Jerusalém, ao pé do Monte das Oliveiras, confundindo-se com a capital.
23  De onde se deu a ascensão.



Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Array
(
    [type] => 8
    [message] => Undefined index: option
    [file] => /home/praze123/public_html/libraries/joomla/environment/uri.php
    [line] => 408
)