Mangá conta com humor a história do dramático surgimento do Cristianismo


alt

Todos os dias você abre o seu jornal e encontra lá uma "tira" ou história em quadrinhos. Pode ser que você não goste, mas o jornal a publica todos os dias, certamente porque boa parte dos seus leitores aprecie este gênero.
No mundo ocidental, a história em quadrinhos faz parte da cultura. No mundo oriental também, sobretudo no Japão, onde tem o nome de mangá (ou manga), um gênero iniciado no século 12, que associa pinturas e textos para contar uma história. Desde então o gênero vem-se desenvolvendo, até se tornar um fenômeno, responsável por 40% de todo o faturamento do mercado editorial japonês. No Ocidente, o interesse pelo mangá vem crescendo sistematicamente. No Brasil, há editoras especializadas e cursos para ensinar sua técnica.
O mangá é um dos gêneros mais lidos no mundo. Caberia nele também o livro mais lido do mundo?
Hidenori Kumai acha que sim. O primeiro volume do seu trabalho (MANGÁ MESSIAS) já é conhecido do público brasileiro, com desenhos de Kozumi Shinozawa.  Agora, a mesma editora -- Edições Vida Nova, de São Paulo -- traz o segundo volume da série de cinco. Os outros três encontram-se em fase de produção.
MANGÁ METAMORFOSE, que chega agora aos leitores do Brasil, foi escrito e desenhado por Kozumi Shinazawa, que fez a arte do Mangá Messias. Todo em cores e impresso no Japão, o livro conta a história do primeiro século do cristianismo, segundo o livro de Atos dos Apóstolos e também as cartas de Paulo. No final do livro, há também uma cronologia e um perfil das personagens. Toda a tensão deste rico período é apresentada numa forma bem-humorada, com leveza e profundidade. Um bom exemplo é o resumo que faz da carta de Paulo aos filipenses. Em seis quadros, a página mostra o motivo da carta, junto com as idéias centrais. A primeira é: "NÃO TIREM OS OLHOS DO ALVO! E CORRAM PARA ELE". (Ao fundo, um quadro com uma figura de Jesus, com duas palavras: ALVO, JESUS)  A segunda, com uma linda imagem, é: "SOMOS PEREGRINOS NESTE MUNDO, CAMINHANDO PARA O NOSSO LAR". 
O gênero é usado em toda a sua plenitude, mas MANGÁ METAMORFOSE é acessível de modo prazeroso a todas as gerações. 
 
Título: MANGÁ METAMORFOSE
Autor: Kozumi Shinozawa, com assistentes
Páginas:  288
Editora: Vida Nova, de São Paulo (2010)
O livro pode ser encontrado nas livrarias e também pela internet no site http://www.vidanova.com.br
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar