BOM DIA: OS SONS DA SAUDADE

BOM DIA, 1833 (Israel Belo de Azevedo)
 
"Saudade é ser, depois de ter". (João Guimaraes Rosa)
 
Os sons da saudade
 
Fruímos dias em que batem forte na porta do nosso peito algumas lembranças passadas.
Vêm-nos lembranças leves da infância ou da adolescência ou da juventude.
Visitam-nos na imaginação pessoas que um dia habitaram plenamente as nossas jornadas.
Ocorrem-nos frases que um parente querido pronunciava cheio de amplitude.
Ouvimos passos que em certos momentos fizeram nossas veias fremir.
Desfilam por nossa boca paladares que há tempos não sorvíamos saborosamente.
Acompanham-nos palavras que no passado fizeram parte do nosso vocabulário.
Pairam sobre nossas cabeças imagens coloridas diante das quais o mundo parecia nos sorrir.
Sentamo-nos à beira de paisagens silenciosas que hoje não passam de oásis distantes.
Lembramos de cenas de livros e filmes que em tempos antigos pareciam constantes.
Somos transportados para portões diante dos quais os risos faziam as noites pouco durar.
Cantarolamos canções que se encontravam esquecidas completamente.
Por autores que foram nossos amigos por décadas buscamos na estante.
Saudade, você é bem-vinda ao nosso presente.
Venha-nos fazer andar menos depressa, ensinar-nos a cultivar as flores da beleza, a adoçar alimentos amargos, a valorizar o que é realmente importante, a nos levar a desejar de novo o abraço da ternura entrelaçada com a fé.
Amigos: vamos comer bolo de novo sentados ao lado de uma xícara de café?
Queridos para sempre ausentes: agradecemos a Deus por vocês em nossas vidas.
Quanto a nós, pedimos que o Senhor da história nos dê sabedoria para honrar as heranças que nos transmitiriam e manter nossa missão de pé.
 
(Escrevi esta crônica porque, ao me deparar com uma frase de Arthur Schopenhauer, eu me lembrei, como se ouvisse de novo o meu já há muito falecido pai proferir o nome do filósofo. Numa espécie de imaginária amizade, ele enchia a boca para me lembrar e eu me lembro: "Como dizia Schopen-hauer"... Que delícia, pai.)
 
Boas lembranças
Israel Belo de Azevedo
_________________________
Quer ouvir este BOM DIA pela voz de Israel Belo de Azevedo?
Baixe o aplicativo MINHA JORNADA e ouça não apenas o BOM DIA, mais as MEDITAÇÕES BÍBLICAS e outras seções exclusivas do aplicativo.
 
Se o seu smartphone (celular) usa o sistema operacional ANDROID, clique na imagem do Google play para baixar.
Se usa iOS (iPhone), clique na imagem da App Store.
 
          

_________________________

REPRODUÇÃO -- Autorizamos a reprodução deste conteúdo com a condição que seja citada a fonte nos seguintes termos: Reproduzido do site PRAZER DA PALAVRA, de Israel Belo de Azevedo, que pode ser ser acessado em www.prazerdapalavra.com.br.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar