BOM DIA AMIGO, 2059: OU A LIBERDADE OU A VIDA

BOM DIA AMIGO, 2059
 
“Os homens dizem que a vida é curta, e eu vejo que eles se esforçam para a tornar assim”. (Jean Jacques Rousseau)
 
Ou a liberdade ou a vida
 
Um homem pode encher de armas um quarto de hotel e dispará-las contra pessoas que não conhece mas acha que devem morrer.
Uma mulher pode se embriagar e dirigir seu automóvel até encontrar na madrugada e matar desconhecidos que trocam o pneu de um carro à beira de uma rodovia.
Um menino pode abrir suas veias e injetar nelas tanta droga que destrói sua mente ao ponto de não saber distinguir entre uma mesa proposta para a refeição e uma lixeira posta para guardar dejetos.
Uma menina pode abrir seu ventre para receber uma vida nova e depois rachá-la a marteladas.
Um artista pode expor seu corpo nu em público e convidar para tocá-lo crianças que não sabem o que fazem.
Em nome da liberdade, tudo é permitido, para que seja garantida. Assim, suicida-se uma civilização, termina-se uma nação, destrói-se uma cidade, sufoca-se uma família, elimina-se uma vida.
A vida festeja seu próprio epitáfio quando esquece a ordem da criação. A vida vem primeiro, depois a liberdade.
Embora contenha o germe da morte, que a liberdade embala, a vida não pode estar sujeita à morte. A liberdade é que deve estar sujeita à vida.
Cuidar das nossas vidas e das vidas dos outros é um princípio que não pode ser tornado menor. A liberdade deve estar a serviço da vida, a menos que gostemos de contar túmulos nos cemitérios.
 
Bom dia!!
Israel Belo de Azevedo
 
Ouça no Facebook:
_________________________

Quer ouvir este BOM DIA pela voz de Israel Belo de Azevedo?

Baixe o aplicativo MINHA JORNADA e ouça não apenas o BOM DIA, mais as MEDITAÇÕES BÍBLICAS e outras seções exclusivas do aplicativo.
 
Se o seu smartphone (celular) usa o sistema operacional ANDROID, clique na imagem do Google play para baixar.
Se usa iOS (iPhone), clique na imagem da App Store.
 
          
 
Curta a página do Prazer da Palavra no Facebook, clicando na imagem abaixo, depois clique em Curtir.
 
 

_________________________

REPRODUÇÃO -- Autorizamos a reprodução deste conteúdo com a condição que seja citada a fonte nos seguintes termos: Reproduzido do site PRAZER DA PALAVRA, de Israel Belo de Azevedo, que pode ser ser acessado em www.prazerdapalavra.com.br.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar