BOM DIA AMIGO, 2104: REALMENTE, ARREPENDIDOS

BOM DIA AMIGO, 2104 (Israel Belo de Azevedo)
 
“Quando perdoa um pecador, Deus não paga uma dívida; ele oferece um legado". (Thomas Watson)
 
Realmente, arrependidos
 
Quando pecamos, podem nos acometer diversas reações, às quais chamamos de arrependimento.
Podemos ficar apavorados diante da possibilidade de sermos descobertos.
Podemos sentir vergonha por termos sido desmascarados.
Podemos nutrir raiva das pessoas que nos acompanharam em nosso erro.
Essas atitudes nada produzem de positivo.
Podemos explicar o nosso pecado, de modo que saiamos absolvidos.
Podemos atribuir nosso erro às circunstancias, como se isto nos eximisse de nossa responsabilidade.
Podemos dizer que agimos corretamente, como se o nosso pecado não fosse pecado.
Podemos simplesmente cantar que não nos arrependemos de nada.
Essas atitudes nos impulsionam a continuar errando, cada vez mais.
Podemos nos arrepender.
Se queremos mudar, perguntemos o que Deus espera de nós, quando pecamos.
Quando se viu diante do sua própria vileza, Davi, o rei-poeta que viveu há três mil anos, orou assim:
— Senhor, eu sei o que tu requeres de mim
Nesta hora de tristeza que parece não ter fim:
Que eu venha com meu coração despedaçado
E humildemente admita diante de ti o meu pecado.
(Salmo 51.17)
 
A explicação, a fuga e a arrogância são passaportes para que continuemos pecando.
O medo, a vergonha e a raiva logo passam, sem que mudemos.
É a confissão sincera que nos prepara para não cometermos novamente o mesmo erro.
 
Bom dia!!!!!
Israel Belo de Azevedo
 
Assine hoje o Clube do Livro Prazer da Palavra.
 
Ouça no Facebook:
 
_________________________

Quer ouvir este BOM DIA pela voz de Israel Belo de Azevedo?

Baixe o aplicativo MINHA JORNADA e ouça não apenas o BOM DIA, mais as MEDITAÇÕES BÍBLICAS e outras seções exclusivas do aplicativo.
 
Se o seu smartphone (celular) usa o sistema operacional ANDROID, clique na imagem do Google play para baixar.
Se usa iOS (iPhone), clique na imagem da App Store.
 
          
 
Curta a página do Prazer da Palavra no Facebook, clicando na imagem abaixo, depois clique em Curtir.
 
 

_________________________

REPRODUÇÃO -- Autorizamos a reprodução deste conteúdo com a condição que seja citada a fonte nos seguintes termos: Reproduzido do site PRAZER DA PALAVRA, de Israel Belo de Azevedo, que pode ser ser acessado em www.prazerdapalavra.com.br.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar