MANDAMENTO PARA O NOVO ANO, 1

1. Não te compararás.

Tu és uma pessoa única. Não tens que ser que os outros parecem ser. Não tens que ter o que os outros têm ou dizer ter.

Deus disse ao profeta Jeremias que ele era singular:

— Eu o conheci antes de formá-lo no ventre de sua mãe; antes de você nascer, eu o separei

e o nomeei para ser meu profeta às nações. Jeremias 1:5 (NVT)

O que disse a Jeremias, Deus te diz. A única diferença é que tua missão é específica.

 

2. Ao que é supérfluo não te ligarás.

Não corra para comprar o que não precisa ser comprado.

Não ame as coisas, por mais que te digam que são necessárias.

Não te endivides para adquirir o que podes passar sem possuir.

A recomendação do profeta Isaías deve estar sempre diante de ti:

— Por que gastar dinheiro naquilo que não é pão, e o seu trabalho árduo naquilo que não satisfaz? Escutem, escutem-me, e comam o que é bom, e a alma de vocês se deliciará

com a mais fina refeição. (Isaías 55.2)

 

3. Não farás o que todo mundo faz ou diz que faz

É normal que queiras fazer o que os outros fazem ou dizem fazer, ir onde os outros estão e dizem estar, desejar o que os outros aspiram ou dizem aspirar e ter a aprovação dos outros para o que pensas.

Estando na companhia de outras pessoas, tu te sentes bem. É assim com todos os seres humanos, com poucas exceções.

O problema é quando as tuas companhias pervertem os teus costumes, antes bons (1Coríntios 15.33).

Não te deixes enganar. Procura te envolver com o que é bom, agradável e perfeito aos olhos de Deus (Romanos 12.2)

 

4. O que não vais cumprir, não prometerás.

Especialmente quando um novo ano se prenuncia, fazes votos, o que é muito bom.

Cuida deles. Não és obrigado a fazê-los, mas se o fazes deves te empenhar em cumpri-los (Números 30.2).

Se votaste fidelidade, sê fiel.

Se votaste ajudar, ajuda.

Não faças votos que não tens condições de cumprir. Não prometas fazer o que não pretendes fazer.

Não vivas de modo que as pessoas debochem das tuas palavras, porque não as levas a sério.

 

5. Não procrastinarás.

Tu sabes o que acontece com o que deixa para amanhã o que não pode ser adiado: o dia passa, e nada acontece; o mês passa, e nada acontece; o mês passa, e nada acontece; o ano passa, e nada acontece; a vida passa, e nada acontece.

Medita na profunda sabedoria divina:

— Quem fica esperando que o vento mude e que o tempo fique bom nunca plantará, nem colherá nada (Eclesiastes 11.4)

 

Feliz ano novo!

Israel Belo de Azevedo

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar