Sábado, 13/05/17 -- O MAIOR MANDAMENTO

Refletindo: Deuteronômio 6.4-5
 
Israel precisa ouvir o resumo essencial, para que aprenda a amar a Deus de verdade (ou, nos seus sinônimos, de "todo o coração", "de toda a alma" e "todo o coração").
Os mandamentos não podem ser esquecidos, pelo que a essência deles é apresentada. Se não forem obedecidos por amor, não serão obedecidos. Se não forem vividos de coração, não serão vividos.
Por isto, 80 vezes o Deuteronômio diz: "Ouve".
Amar a Deus é o mandamento principal, segundo Jesus (Mateus 22.37-38).
Por isto, todos os que o seguem precisam gravar este mandamento no seu coração, para vivê-lo todos os dias, em todas as circunstâncias.
Amar a Deus de "todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força" implica amá-lo com todo o ser, sem nenhum tipo de reserva.
O "coração", mais que um órgão com uma função específica no corpo, era considerado o centro das emoções e dos sentimentos humanos, bem como o centro da intelecto, da vontade e do desejo. Ainda usamos a mesma metáfora, como usamos também a palavra "mente" para falar destas funções.
A "alma", como um sinônimo para "coração", é uma palavra que vai além da dimensão espiritual de indivíduo, para alcançar também todo o seu ser, com suas emoções, seus desejos e seus sentimentos.
Estas duas palavras junto com "força" significa amar com abundância, sem nenhum tipo de restrição, numa entrega total.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Array
(
    [type] => 8
    [message] => Undefined index: option
    [file] => /home/praze123/public_html/libraries/joomla/environment/uri.php
    [line] => 408
)